VIDEO | DOCS


Através dos seus olhos, 2021. 96 minutos | Through your eyes, 2021. 96 min

O filme registra um realcionamento vivido à distância entre uma brasileira moradora da Ceilândia (DF), filha de um pastor evangélico e um iraquiano de origem curda islâmica que mora em um campo de refugiados na Grécia. Conectados via telefone 24 horas por dia, trata-se de uma história de sensibilidades entre a esperança de uma vida melhor e o pesadelo de um futuro com bases desconhecidas.


VER MAIS | VIEW MORE

Linha, 2019. 5 minutos | Line, 2019. 5minutos

Linha foi montado com imagens captadas em um Campo de refugiados na Grécia em 2017. Neste trabalho as imagens se conectam pela presença de uma linha e de um som contínuo junto aos movimentos da água. Peixes se debatem por um pedaço de pão enquanto uma criança brinca com um resto de linha e um senhor joga suas arapucas improvisadas para buscar um peixe.
A linha que pode ser um brinquedo de criança, ora amarra arapucas ora surge como amarelinha no chão...


VER MAIS | VIEW MORE

SEM ROSTO, 2019. 75 min | NO FACE, 2019. 75 min


No longa metragem SEM ROSTO, um olhar estrangeiro busca quebrar a invisibilidade de migrantes envolvidos na maior catástrofe humanitária desde a Segunda Guerra. A artista Sonia Guggisberg traz relatos e imagens singulares do êxodo contemporâneo, desde a crise grega até seu auge na guerra da Síria, captadas em viagens à Lampeduza e Grécia entre os anos de 2014 e 2017. O sonho de milhares de pessoas em busca de uma vida melhor transformado em uma espera sem fim dentro de campos de refúgio.


VER MAIS | VIEW MORE

Partir, 2018. 7,37 min. | Leave, 2018. 7,37 min.

O curta metragem "Partir" é um documentário organizado por camadas de tempo. Montado com arquivos antigos, imagens e músicas, Partir mostra a história de uma família. Imagens atuais da demolição de um imóvel, patrimônio da família, são unidas á arquivos em super-8 gravados pelo pai, nos anos setenta, e montados com uma trilha sonora com cantos líricos executados pela mãe entre os anos 1970 e 2005. Entre as cenas de demolição, as crianças brincam e dançam com os cantos da mãe, gravados dentro de casa.
+infos


VER MAIS | VIEW MORE

Espera, 2018. 14"38' min. | Wait, 2018. 14"38' min.

A travessia que o refugiado faz ao entrar num barco e se lançar ao mar não é somente uma travessia geográfica mas uma travessia de vida. Este filme mostra uma série de depoimentos captados dentro de campos de Refugiados e o assunto gira em torno do tempo da espera. Os testemunhos são intercalados por cenas de vestígios, cenas do farol marítmo, dos barcos naufragados e restos de coletes, tudo captado na Ilha Lesbos. Dentro deste cenário, um grego desempregado a três anos dá seu depoimento de vida e coloca música no Campo pra trazer alegria á pessoas.


VER MAIS | VIEW MORE

Campo Skaramanga, 2017. 9"32' min. | Skaramanga Camp, 2017. 9"32' min.

Com imagens captadas dentro dos campos de refugiados Kastikas (Ioanninna no norte da Grécia) e Skaramanga (Atenas), este filme mostra o estado de suspensão que se apresenta dentro dos campos. Em locais afastados dos centros urbanos e mantidos com fundos da União Européia, os refugiados se encontram confinados em containers ou barracas. Vivem o luto de suas famílias, a ausência de nacionalidade e de documentos e a impossibilidade de um horizonte novo a curto prazo. O filme mostra pessoas contando sobre seus sonhos e desenhando seus trajetos de onde vieram.


VER MAIS | VIEW MORE

Sonho Migrante, 2017. 9"01' min | Migrant Dream, 2017. 9,01 min.

Neste vídeo documental as captações feitas na ilha de Lampedusa interrogam a realidade e os espaços vazios que o acompanha. "Sonho Migrante" apresenta uma perspectiva humanística que dá a oportunidade de ouvir as vozes e os sonhos do refugiado. Imagens do cemitério de barcos dos migrantes em Lampedusa se apresentam como vestígios dos sonhos e as cenas da água, mostram o trajeto percorrido pelos barcos entrando no porto. Neste trabalho não é somente a questão das migrações que se mostra, mas de pessoas que mostram as suas vozes, falam de seus sonhos e de sua intimidade.


VER MAIS | VIEW MORE

Ponto de Encontro, 2017. 9 min. | Meeting Point, 2017. 9 min.

Ponto de Encontro foi filmado na Praça Victoria, no centro de Atenas. O local que se tornou um ponto de encontro para os refugiados mostra um homem grego pobre tocando uma música tradicional e seu desempenho está entrelaçado com a declaração de um afegão que descreve, em plena exaustão, como está sua vida após a travessia e o fechamento da fronteira.


VER MAIS | VIEW MORE

FIM DE SONHO, 2013. 5"20' MIN. | Last Dream, 2013. 5"20' min.

Fim de Sonho é um trabalho cujas imagens também foram captadas em uma única demolição e que apresenta um caso específico: o fim de uma história familiar. Com cenas filmadas na demolição de galpões que fizeram parte da história de minha família, apresenta uma situação pessoal, porém comum quando se trata de uma cidade como São Paulo. As imagens em vídeo focalizam o movimento da fumaça, do pó provocado pelas quedas, o resto do resto. O pó é o último fragmento das quedas, que flutua pelo ar até que termine. É uma passagem que mostra o fim, literalmente, não só de mais um imóvel na cidade, mas do desmanche da história que foi construída ali. São galpões que marcaram a ascensão financeira e a quebra da família com a morte do pai, em 1974. Depois de sua morte, os galpões, que sustentaram a família e representaram a segurança e a presença de um pai, deixam de existir. A demolição desses galpões põe fim a essa história, e definitivamente não deixa nada mais além de lembranças.
+infos


VER MAIS | VIEW MORE

Subsolo, 2013. 25"31'min. | Subsoil, 2013. 25"31'min.

Sonia Guggisberg apresenta o documentário "Subsolo", sobre a obra interrompida nos anos 1970 abaixo da Avenida Paulista. Neste trabalho, Sonia procura mostrar que narrativas enterradas nunca terminam mesmo quando relegadas à invisibilidade. O documentário tem depoimentos de Boris Casoy (porta voz do prefeito da cidade na época), do arquiteto Nadir Mezerani (que a partir da pesquisa da artista redesenhou o projeto), do urbanista Celso Franco, entre outros. Sobre o documentário, o antropólogo francês Jacques Leenhardt escreveu: “a ideia de urbanismo subterrâneo permaneceu suspensa entre a utopia e o nada, como um poço obscuro do qual, quarenta anos mais tarde, a verdade ainda tem que ser descoberta".
+ infos


VER MAIS | VIEW MORE

Redesenhos: Elevado Costa e Silva, 2013. 06″05′ min | Redesigns: Costa e Silva Elevated, 2013. 06″05′ min

“Redesenhos” parte do princípio de que o conjunto de sons que integram a vida cotidiana apresenta diferentes composições, e estas trazem consigo suas realidades sonoras. Compostas por sons humanos, sons de máquinas e ruídos em geral, apresentam diferentes misturas dentro do território urbano. Dentro da ideia de vídeo-documento, este trabalho se propõe a pensar sobre a capacidade de um objeto ser portador de uma paisagem visual e sonora, que desmonte estruturas já conhecidas e pesquisadas, possibilitando a abertura de outros formatos. Neste caso, trata-se de experimentar, testar e incorporar a força dos ruídos originais para trabalhar novas proposições de documentação, novas combinações sonoro-visuais atreladas aos movimentos da realidade captada em vídeo. O que se ouve, neste momento em “Redesenhos”, é o discurso do prefeito Paulo Maluf anunciando o lançamento da maior obra urbanística de todos os tempos, o Elevado Costa e Silva, um grande legado construído e deixado por uma política que não planeja o futuro e não respeita o passado.
+ info


VER MAIS | VIEW MORE